Escreva o que Procura

 

brincos

Posted on

os brincos eram simples enfeites lisos, ou tinham preso um pingente, que podia ser uma pequena campainha. Usavam-nos as senhoras elegantes, que se vestiam à moda, acrescentando a isso outros adornos como braceletes, anéis, pendentes do tornozelo, pendentes do nariz, etc. (Gn 24.22 – Êx 32.2,3 e is 3.21). A grandeza e o peso destes objetos excediam bastante o que entre nós é usual. os brincos mais bem elaborados não eram somente cinzelados, mas também eram freqüentemente ornamentados de pérolas e de rubis. Deste modo o seu valor intrínseco convertia-os em magníficos presentes (Nm 31.50 e 42.11). A gente pobre, em lugar destes brincos, usava coisas de barro, de chifre, e outros substitutos baratos. Nalgumas passagens é impossível dizer se o que se deve entender são brincos das orelhas ou pendentes do nariz, visto como estes últimos eram tão estimados como os primeiros, sabendo-se, além disso, que os escritores sagrados usavam indistintamente os respectivos termos. Todas as mulheres e moças do oriente fazem uso destes adornos. Alguns destes brincos das orelhas têm figuras neles gravadas, talismãs ou feitiços, ou ainda os nomes e símbolos dos seus deuses. É provável que os brincos da família de Jacó eram desta qualidade, e foi esta a razão deste patriarca os ter pedido, a fim de que ele os pudesse enterrar debaixo do carvalho, antes de irem para Betel (Gn 35.4).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *