Escreva o que Procura

 

benjamlm, tribo de

Posted on

Ainda que pequena, esta tribo foi, de uma maneira especial, enérgica e belicosa. Ainda caminhavam no deserto, e já os seus guerreiros eram mais de 35.000 (Nm 1.37) – mas foi aumentado o número de modo que, quando os israelitas entraram na Terra da Promissão, já havia nesta tribo 45.600 combatentes (Nm 26.41). Depois da conquista da Palestina, aquele temperamento belicoso dos benjamitas foi a causa de se envolverem em guerra com as outras tribos, pois que se recusaram a entregar à justiça certos homens criminosos: e o resultado de tudo isto foi que na peleja acabou aquele forte exército, à exceção de 600 guerreiros, que se refugiaram no deserto de Rimom (Jz 20.47). Todavia, apesar de ter sido quase exterminada a tribo de Benjamim, refez-se tão depressa que, quando Davi era rei, eles puderam reunir um exército de quase 60.000 – e durante o reinado de Asa chegou o seu numero a 280.000, todos eles armados e adestrados. É certo que a amizade dos benjamitas com os seus irmãos de Judá foi de grande beneficio para ambas as tribos. os laços que uniam estes dois povos aguerridos tornaram-se ainda mais estreitos pelo fato de Davi, depois de expulsar de Sião os jebuseus, ter feito daquela fortaleza a sua própria capital, sendo ele já rei de todo o povo de israel. E Sião, ou Jerusalém, formava uma parte do território de Benjamim, que ficava ao lado, ou para melhor dizer, quase dentro do território de Judá. Quando morreu Salomão, as duas tribos, Judá e Benjamim, permaneceram fiéis, e formaram um reino à parte (1 Rs 12.21), que simplesmente tinha o nome de Judá. Saul, o primeiro rei de israel, era da tribo de Benjamim (*veja Saul e Davi).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *